As maiores cobras do mundo

Está enganado quem pensa que a maior cobra do mundo é a “nossa” Sucuri, sim, ela está entre as maiores, mas existem outras que são ainda maiores que ela.  Falando de tamanho nenhuma se compara a Python, encontrada nas florestas úmidas da Indonésia, espécimes como esta não são tão comuns.

Maiores Cobras do Mundo

A maior cobra em cativeiro encontra-se em um parque de diversões da Indonésia, este réptil se alimenta de pequenos mamíferos, incluindo pequenos cachorros, isso mesmo, cachorros que os criadores lhe ofertam. Este exemplar tem 87 cm de diâmetro, e pesa “apenas” 447 quilos, e quase 15 metros de comprimento, ela é registrada no Guinness Book, “o livro dos recordes” superando sua compatriota de 10 metros, que detinha o titulo desde 1912.

Estas serpentes gigantescas exercem fascínio sobre vários pesquisadores e caçadores, todos querem encontrar alguma cobra que tenha 40 metros, uma verdadeira Anaconda. A Amazônia é um grande atrativo para estas pessoas, grupos de pesquisadores vêm ao Brasil atrás da Sucuri a maior cobra das Américas, uma excelente nadadora, ela pode engolir animais de médio porte, como jacarés, mas em sua alimentação também tem galinhas, porcos, tartarugas e capivaras. Ela é extremamente agressiva, e em uma gestação gera, de 14 a 87 filhotes, que nascem com 60 centímetros, já nascem grandinhos,hein?

A Jiboia, muito conhecida no Brasil, não chega a ter o mesmo tamanho de uma Sucuri ou uma Python, mas é considerada também uma das maiores dos mundo. Ela é encontrada desde a America Central, vindo da Costa Rica, ate onde ficava a Mata Atlântica. Não nada tão bem quanto a sucuri, mas é uma excelente caçadora, gosta de animais de pequeno e médio porte e costuma se alimentar poucas vezes durante um grande período de tempo.

Curiosidades

O fato mais interessante, mesmo todas as grandes serpentes citadas acima, sendo carnívoras, nenhuma dela é venenosa, isso mesmo, elas não mordem e injetam veneno, elas podem até morder, mas na hora de se alimentar, elas caçam, prendem o alimento e se enrolam, asfixiando assim a presa, este processo chama-se constrição, depois de quebrar todos os ossos, a cobra desliza sua mandíbula (ao contrario do que dizem algumas crenças, cobra não desloca a mandíbula) e engole sua caça por inteiro. Depois de comerem, elas hibernam para fazer a digestão que pode durar meses.

Comments
  1. mateus mends
    Responder
    • mateus mends
      Responder
  2. marlos silva
    Responder
  3. Responder
    • ana
      Responder
      • diego
        Responder
      • Responder
      • Responder
      • Alemão
        Responder
      • Responder
      • Responder
      • eduardo
        Responder
      • eduardo
        Responder
      • Enelson Alves Viana
        Responder
  4. tiago lima
    Responder
  5. Maurício
    Responder
    • Leandro de Souza Costa
      Responder
    • Davi Manoel da Silva
      Responder
  6. Roseli
    Responder
    • maicon
      Responder
  7. luliany falcão
    Responder
    • JORGE LINHARES
      Responder
  8. maicon
    Responder
  9. edmur lázaro
    Responder
  10. Responder
  11. thiago rogerio
    Responder
  12. thiago rogerio
    Responder
    • JORGE LINHARES
      Responder
  13. JORGE LINHARES
    Responder
  14. Responder
  15. Responder
  16. felipe
    Responder

Comente

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *